5 segmentos para atuar como MEI

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Para quem tem vontade de empreender e abrir seu próprio negócio, hoje uma das melhores formas é se tornar um MEI (Microempreendedor Individual). Além de entrar pela porta da frente no mundo dos negócios, ou seja, de forma legal, o MEI tem uma série de vantagens e benefícios, como cadastro nacional de pessoa jurídica (CNPJ)  facilitando a abertura de conta e obtenção de crédito bancário, redução da carga tributária, isenção de taxas para abertura da empresa, processos simplificados, ser assegurado pela previdência social, dentre outros. Você quer abrir o seu próprio negócio e aproveitar essas vantagens, confere ai, 5 segmentos para atuar como MEI que você pode investir!

Profissionais de beleza

Os cursos profissionalizantes na área da beleza são um atrativo. Através do MEI é possível dar o pontapé inicial nesse negócio. Com a redução de imposto e outras facilidades que o MEI oferece, é possível abrir um salão de belezas e conseguir crédito para a compra dos materiais necessários, como secadores de cabelo, mobiliário adequado e cosméticos.

Sacoleiras que querem aprimorar o seu negócio

Esse pessoal que viaja longe para levar para suas cidades o melhor do mundo da moda é a categoria com mais solicitação do MEI. Normalmente são pessoas que trabalham com o modelo de revenda de roupas, bolsas e acessórios, e desejam sair do informal e abrir um ponto comercial. Através disso poder reduzir os impostos e obter um alvará de funcionamento, para ficar viável e investir em um aluguel de um local, e também aproveitam o embalo para contratar um profissional e poder viajar para melhorar o estoque do seu negócio com novidades do mercado.

Pintores, eletricistas, encanadores

Quem ai nunca precisou de um marido de aluguel? Aqueles  profissionais que atendem em casa e resolvem seus pequenos consertos e manutenções em um piscar de olhos. Bom, os profissionais desse ramo também podem se tornar MEI’s. Depois da solicitação e aprovação do cadastro, o profissional pode oferecer recibo ou nota fiscal eletrônica do serviço prestado e em caso de acidentes, também é assegurado pela Previdência Social.

Os criativos artesões também podem ser um MEI!

O crescimento desse segmento vem aumentando cada vez mais no Brasil e é comum a divulgação de produtos no ambiente online, principalmente pessoas que trabalham com artesanato, e essa grande exposição de produtos na rede tem um crescimento significativo no mercado, porém alguns consumidores ficam um pouco receosos de comprar. Ao se tornar um MEI, sua empresa recebe o número de CNPJ, o que ajuda muito os receosos na comprovação da seriedade do seu negócio.

Técnicos e profissionais graduados

O pessoal que é Técnicos em eletrônicos, eletrodomésticos, os profissionais da área da educação, como professores particulares, também podem ser MEI. Com isso, podem garantir até contratos com outras empresas, já que podem fornecer nota fiscal dos serviços prestados.

Como faço se tornar um MEI

É muito fácil, você consegue realizar todo o seu cadastro pela internet, para isso, é só você acessar o Portal do Empreendedor. Os custos são bem acessíveis.

Tornar-se um Microempreendedor Indivudual sem dúvida vai abrir portas para o mercado, seu negócio passa a ser levado a sério por ser legalizado. Também, você passa a ser um profissional segurado pela Previdência Social, podendo usufruir de todos os benefícios quando for necessário.

Em que ramo de atividades que você trabalha? Quer se tornar um microempreendedor individual de sucesso? Quer conhecer mais sobre o assunto? Então fique por dentro das nossas redes sociais facebook e twitter e acesse sempre que puder o nosso blog e fique por dentro de tudo que acontece no mundo do empreendedorismo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *