Gestão financeira na crise

Tempo de leitura: 5 minutos

Com a atual crise provocada pelo vírus da Covid-19, muitas são as dúvidas e incertezas do futuro do País, tanto para as pessoas e empresas. Diante disso, cada vez se faz mais necessário analisar e implementar ações que nos ajude a driblar o cenário, contribuindo na redução dos riscos enfrentados nesse momento.

Por isso, o tema de hoje é sobre a gestão financeira. Mas por quê? Através da educação financeira nesses momentos complexos, a empresa irá ter maior controle das receitas e das despesas e custos, assim, poderá analisar e implementar um plano de ação que possibilitam equilibrar essa balança no final do mês. Evitando assim ter prejuízos.

A gestão financeira permite realizar uma análise estratégica, verificando o cenário atual, em quais momentos é viável realizar investimentos ou então segurar o dinheiro para o mesmo render.

Muitos microempreendedores acabam deixando essa atividade mais no segundo plano, devido a correria, a diversos setores que um empresário precisar tocar, entre outros motivos, porém, cuidar do financeiro da sua empresa é tão importante quanto a entrega de um produto ou serviço com qualidade. Os resultados da empresa também dependerão do cuidado desse setor diariamente. Independente do tamanho da empresa, isso é importante sempre!

No cenário atual, o microempreendedor que tiver com o controle adequado das finanças e com um planejamento detalhado, poderá criar um cenário mais positivo para o futuro da empresa, apesar da turbulência atual.  

Sabendo isso, agora vamos descrever algumas boas práticas de gestão financeira para você já começar a implementar na sua empresa!

  • Tenha seus dados organizados

Sempre mantenha seus dados organizados e atualizados, você precisar ter os números claros para assim analisar os resultados da empresa. Saiba o valor real do que você tem a pagar, quais fornecedores, quais são as entradas que a empresa tem a receber, o que não entrou (aqui entra inadimplência, por exemplo). Para facilitar, lance tudo em uma planilha excel (na internet existem diversas prontas para isso) e mantenha a mesma atualizada e acompanhe diariamente, além de avaliar os resultados.

É de extrema importância você saber as receitas e obrigações com terceiros do seu negócio, para não correr o risco de chegar no momento de pagamento e a empresa não ter valor necessário no momento. com essa ação poderá se antecipar se vai fechar o m~es no verde, com tudo certo ou então no vermelho.

  • Avalie o cenário

Sabendo quais são suas despesas e custos, e também suas receitas, agora é hora de avaliar o cenário. Nesse momento você precisa avaliar como poderá reduzir seus custos e despesas, analise o que é prioritário nesse momento e o que poderá ser cortado dessa relação de contas.

Tudo que é dispensável precisa ser retirado o quanto antes dos custos e despesas da empresa. A gestão financeira da empresa se assemelha a gestão de contas pessoais, sabemos o que é prioridade e o que vai surgir no caminho para pagar e que é item importante, ou o que ainda pode esperar outro momento.

Pegue a relação de contas da empresa e avalie item por item. Corte o que não precisa agora, faturas com fornecedores altas, verifique a possibilidade de renegociar.

  • Analise crises passadas e o que foi feito para sair da mesma

A maioria das empresas já passaram por alguma crise anteriormente, muitos empreendedores já aprenderam alguma lição com elas e a levam para o resto da vida.

Faça o mesmo, analise crises anteriores da empresa ou de outras, e veja o que foi feito de diferente, o que deu certo, para sair da situação. Identifique os erros e acertos e avalie os mesmos. Após crie um plano de ação para implementar.

Com a crise atual muito negócio precisou se adaptar e reinventar para permanecer no mercado, tivemos muitos acertos, erros, porém o mais importante: é se manter ativo e buscando adaptação constante.

Podemos citar aqui um exemplo prático do que vem acontecendo: restaurantes que recebiam clientes no local, hoje vários estão migrando para o delivery próprio. Foi um jeito eficiente de enfrentar a crise e manter o faturamento.

É importante também avaliar o comportamento do consumidor, quais as tendências, para que assim possa estruturar uma ação para reverter o problema.

  • Antecipação de recebíveis

Uma saída importante da crise é girar os custos e despesas da empresa com dinheiro próprio, sem intervenção de empréstimos e financiamentos através de instituições financeiras. Por isso uma boa estratégia, em caso de estar sem dinheiro em caixa, é trabalhar com a antecipação de recebíveis, pois trata-se de uma alternativa que transforma suas vendas a prazo em recursos líquidos imediato.

Claro que para antecipar recursos o empreendedor vai precisar verificar o valor que será cobrado (a taxa) para efetivar esse procedimento. É importante você estar a par das taxas cobradas, para assim analisar a viabilidade da ação ou não nesse momento.

  • Acompanhe os resultados

Por fim, indicamos que você acompanhe os resultados da sua empresa, se ela está conseguindo manter o equilíbrio entre as entradas e saídas dentro do período, analisar se as obrigações para com terceiros estão enxutas (sem gastos desnecessários), avalie os rendimentos, onde pode melhorar, como poderá reter clientes nesse momento.

Verifique ainda se existem novas possibilidades no mercado que possa trabalhar e alavancar seu negócio, seja com novo tipo de serviço, produto diferenciado ou parceira estratégica.

Estude e se mantenha bem informado das ações de outras empresas. Veja o que vem dado resultado e mude o que não vem agregando. Pegue feedback dos seus clientes também, nesse processo podem surgir novas ideias que poderão ser estudadas e implementadas.

Algumas empresas conseguiram alavancar seu negócio identificando alguma demanda ou necessidade desse momento, que ainda não estava sendo suprida no mercado e com isso deram outro rumo a empresa. Por isso da importância de analisar, avaliar, estudar e se manter organizado, para quando novas oportunidades surgirem, estar preparado para o mesmo.

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.